SICOS

Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Serviço

Sicos abre inscrições para selecionar entidades que vão compor o Conselho Estadual do Artesanato e da Economia Solidária

O Conselho Estadual do Artesanato e da Economia Solidária (CEAES) da Secretaria da Indústria, do Comércio e do Serviço (Sicos) publicou edital para selecionar entidades da sociedade civil que vão compor o Conselho no período de 2024/2026. As inscrições estão abertas até 4 de novembro e no total são seis vagas para representantes do artesanato e outras seis para entidades representativas da economia solidária. Os documentos necessários para a inscrição devem ser enviados para o e-mail ceaes@sicos.sc.gov.br.

O processo seletivo será composto de duas fases, a habilitação das entidades aptas a integrar o CEAES e a eleição das entidades, por voto, sendo que, somente um representante de cada entidade habilitada têm direito ao voto. No ato da inscrição, a entidade deverá enviar ao CEAES/SC os documentos elencados no edital. Para participar como representante do artesanato, é preciso ser uma associação, cooperativa, grupo de produção artesanal, sindicato ou federação. Já para representar a economia solidária, é preciso ser um empreendimento econômico solidário ou uma entidade de apoio e fomento da economia solidária.

:: Saiba mais sobre o edital aqui

Após o fechamento das inscrições, no dia 4 de novembro, haverá uma análise da documentação das entidades, seguido da divulgação e publicação das que foram habilitadas, no dia 13 de novembro. Para o secretário da Sicos, Silvio Dreveck, os Conselhos são importantes para discutir ações para os setores, “O artesanato e a economia solidária são de vital importância, uma fonte de renda e trabalho que gera muitas oportunidades”, destaca.

Para a secretária do CEAES, Fabiana Lopes Ribeiro, as reuniões do Conselho são uma forma de aproveitar e entender as vocações regionais, receber demandas e validar ações governamentais. “O CEAES vem se fortalecendo nos últimos anos, visando a preservação das culturas locais, o desenvolvimento de artesãos e membros de empreendimentos econômicos solidários e a geração de trabalho e renda para muitas famílias”, enfatiza.

“É importante a participação da sociedade civil e entidades neste espaço de discussão e contribuição e deliberação para ações da economia solidária e artesanato. Esse edital é uma forma transparente para o desenvolvimento das áreas de artesanato e economia solidária. Leiam o edital e participem do Conselho”, complementa a presidente do CEAES, Heloiza de Alcântara Camilo.

Texto: Pablo Mingoti / Arte: Giana Benetti

Assessoria de Comunicação da Indústria, do Comércio e do Serviço
48 98864‑3741‬ | comunicacao@sicos.sc.gov.br